• Daniela Burgonovo

Coxa vence Fluminense de virada no Couto Pereira


Neste domingo (01), o Coritiba recebeu o Fluminense no Couto Pereira em partida válida pela quarta rodada do Brasileirão. Em jogo movimentado, o time patrocinado pela Pro Tork venceu de virada a equipe carioca pelo placar de 3 a 2. Léo Gamalho (2) e Andrey marcaram para o Verdão. 


O próximo compromisso do Coxa é pela quinta rodada do Brasileirão, diante da equipe do Avaí. A partida será na segunda-feira (09), às 20h, na Ressacada. 


O jogo


Para a quarta rodada do Brasileirão, o técnico Gustavo Morínigo contou com um novo reforço entre os relacionados, o atacante José Hugo esteve a disposição da comissão coxa-branca para a partida diante do Fluminense. O volante Andrey voltou a ser relacionado, após ser poupado na partida anterior, fora de casa. 


O Coxa começou com: Alex Muralha, Matheus Alexandre, Henrique, Luciano Castán, Guilherme Biro (Egídio), Willian Farias, Andrey (Adrián Martínez), Régis (Robinho), Igor Paixão, Alef Manga (Fabrício Daniel) e Clayton (Léo Gamalho).


Logo no início do primeiro tempo, o Coritiba teve uma boa chance com Igor Paixão, o atacante alviverde chegou com velocidade e de fora da área finalizou, a bola parou na zaga adversária. Aos 5 minutos, Guilherme Biro avistou Clayton na área e cruzou, o camisa 99 subiu para cabecear mas o goleiro adversário fez a defesa.


O Coxa continuava atacando com toques rápidos, aos 7 minutos Alef Manga ficou com a bola e com velocidade tocou para Willian Farias, o capitão recebeu e fez um passe longo devolvendo a bola para o camisa 11, Alef Manga finalizou mas a zaga tirou. Na sobra, Igor Paixão tentou mais um cruzamento que parou na defesa adversária. Aos 18 minutos o Fluminense abriu o placar.


A partida ficou truncada mas o Verdão continuava buscando jogadas em velocidade para empatar a partida, aos 23 minutos, Igor Paixão carregou a bola, driblou o adversário e com rapidez fez um passe em profundidade mas a zaga cortou a jogada. Aos 23 minutos, o Fluminense ampliou o placar.


Buscando reverter o marcador, o Coxa seguia pressionando, aos 42 minutos, Guilherme Biro driblou o marcador e cruzou para a área, Andrey chutou na sobra mas a bola acabou saindo pela linha de fundo. Final de primeiro tempo 2x0 Fluminense.


A virada coxa-branca


Para a segunda etapa, o técnico Gustavo Morínigo fez alterações no time alviverde para voltar ao jogo, Robinho,Léo Gamalho e Egídio entraram em campo. A primeira chance da etapa complementar veio logo com o camisa 9, após cobrança de escanteio, o atacante cabeceou e a bola passou pertinho do travessão. Aos 4 minutos, após jogada na área, Léo Gamalho foi atingido no rosto pelo jogador adversário, o árbitro da partida foi ao VAR checar o lance e marcou pênalti para o Coxa e cartão vermelho para o jogador do Fluminense. Na cobrança, Léo Gamalho não desperdiçou e marcou para o Verdão!


O Coxa gostou do jogo e pressionava com intensidade a equipe visitante, aos 14 minutos, Robinho tocou para Andrey que driblou o adversário e cruzou para Alef Manga, o camisa 11 finalizou mas a bola passou por cima do travessão. O gol de empate não demorou para sair. Aos 15 minutos, Andrey ficou com a sobra e deu um belo chute cruzado na entrada da área, a bola foi no cantinho e estufou a rede. 


Mas o empate não estava bom para o Verdão! O time alviverde pressionava e a defesa adversária tentava se fechar para evitar a movimentação coxa-branca. Aos 22 minutos, Willian Farias brigou pela bola e conseguiu finalizar em direção ao gol, a investida passou raspando na trave. 


O Coritiba dominava a partida e a virada estava se aproximando, aos 40 minutos, Igor Paixão finalizou mas a bola desviou e foi para fora. A virada veio! Nos acréscimos. Aos 49 minutos, Fabrício Daniel tocou para Léo Gamalho que chutou firme e estufou a rede e levantou a torcida coxa-branca presente no Couto Pereira. Fim de jogo, 3x2 Coxa! 


O Coritiba tem o patrocínio da Pro Tork - a maior fabricante de motopeças da América Latina e líder mundial na produção de capacetes.