• Daniela Burgonovo

Coxa emenda a segunda vitória seguida no Brasileiro de Futebol


Depois de vencer o Vila Nova, fora de casa, e em busca de emendar uma boa sequência no Campeonato Brasileiro de Futebol - Série B, o Coritiba entrou em campo, nessa terça-feira (22), no Couto Pereira. O adversário da vez era o Vitória, pela 6º rodada, e o resultado foi o esperado pela nação coxa-branca: vitória do time patrocinado pela Pro Tork, com direito a entrada no G4 da competição. O placar final ficou em 1x0, sendo o gol marcado por Waguininho. O Verdão, que tem um jogo a menos, soma 10 pontos, com três vitórias, um empate e uma derrota.


Para encarar o time baiano, entre os relacionados, o técnico Gustavo Morínigo contou com o retorno do meia Luiz Henrique, que não joga desde o dia 06 de abril, e dos piás do Couto Márcio Silva e Natanael, que foram campeões com a equipe Sub-20 da Copa do Brasil da categoria, sobre o Botafogo. Por outro lado, Matheus Sales, que deixou o jogo em Aparecida de Goiânia, na última rodada, com dores nas costas, ficou de fora e será melhor avaliado.


Waguininho marca para o Coxa


Foi um primeiro tempo bastante opaco no sentido de criações de ataque para ambos os lados. As duas equipes tentavam chegar a meta, mas sem efetividade na hora da finalização. As chances mais claras de gol vieram nos minutos finais da etapa, quando o Coxa, enfim, abriu o placar com o Waguininho.


Destaque para as finalizações de Val, de fora da área, para a defesa do goleiro, e do próprio camisa 13, que mandou da direita, por cima da meta. O Vitória assustou aos 30’, quando mandou, de cabeça, a bola na trave do Verdão. Três minutos depois, o Coxa respondeu, balançando as redes. O gol do Coxa foi assim: Rafinha lançou perfeitamente para Igor Paixão, que cruzou exatamente para Waguininho mandar pra dentro. 1x0 Coxa!


Assim como nos primeiros minutos do primeiro tempo, o segundo foi sem perigo para os dois lados. Rafinha sentiu, logo no início, e precisou ser substituído. A opção de Morínigo foi Valdeci.


Waguininho arriscou, da direita, aos 15’, mas a bola passou por cima da meta baiana. Aos 24’, o Vitória mandou pro gol, em cobrança de falta, mas sem muita força, para a defesa tranquila de Wilson, no cantinho.


Morínigo promoveu ainda mais duas mudanças antes do término da partida: Luiz Henrique, prata da casa que estava fora desde o jogo contra o Operário pela segunda fase da Copa do Brasil, quando, inclusive, marcou o gol da classificação, entrou no lugar de Igor Paixão. Jhony substituiu Waguininho e Wellington Carvalho, Val.


No último minuto de bola rolando, o Vitória quase empatou o jogo na bola longa para a defesa de Wilson.


O próximo compromisso do Verdão é sexta-feira (25), contra o Guarani, fora de casa, a partir das 19h.


O Coritiba tem o patrocínio da Pro Tork - a maior fabricante de motopeças da América Latina e líder mundial na produção de capacetes.