• Daniela Burgonovo

Coritiba vence a equipe do Brasil de Pelotas e se aproxima do acesso


Neste domingo (14), o Coritiba enfrentou o Brasil de Pelotas no Alto da Glória, pela 36° rodada do Campeonato Brasileiro de Futebol - Série B. Pelo placar de 2x1, o time patrocinado pela Pro Tork venceu a partida e somou mais três pontos, se aproximando do acesso. Waguininho e Léo Gamalho marcaram para o Coxa.


O jogo


O técnico Gustavo Morínigo teve o desfalque de Igor Paixão, e para a partida decisiva, a escalação do Verdão foi a seguinte: Wilson, Natanael, Henrique, Luciano Castán, Guilherme Biro, Willian Farias, Val, Robinho, Rafinha, Waguininho e Léo Gamalho.


Com o Couto Pereira lotado, o torcedor viu o Coritiba dominar os ataques durante a primeira etapa. Logo aos 5 minutos de partida, Robinho tentou abrir o placar com um chute de bicicleta, que parou na trave. Chegando com força na área do Brasil de Pelotas, o Coxa teve mais uma bola na trave aos 8 minutos, com a confusão na área, o ataque acabou resultando em um pênalti para o Verdão, que foi anulado pelo VAR.


Ainda no primeiro tempo, o Verdão continuou criando boas chances de gol e chegando com perigo a área adversária, mas com três bolas paradas na trave, a rede não balançou nos primeiros 45 minutos.


Logo no início do segundo tempo, o Coxa manteve a pressão e não demorou para o primeiro gol sair. Na cobrança de escanteio de Robinho, Waguininho abriu o placar, aos 9 minutos, deixando o Coritiba na frente na partida.


O Brasil de Pelotas chegou com perigo ao ataque Coxa Branca e aos 36 minutos teve um pênalti marcado, Erison bateu a cobrança e empatou a partida no Alto da Glória. O Verdão continuou pressionando e buscando a vitória, e ela veio nos acréscimos. Aos 48 minutos, Léo Gamalho dominou e com um chute forte, colocou a bola no fundo da rede, marcando o segundo gol do Coxa.


O próximo jogo é dentro de casa, contra CSA, no domingo (21) às 19h.


O Coritiba tem o patrocínio da Pro Tork - a maior fabricante de motopeças da América Latina e líder mundial na produção de capacetes.